Uncategorized

REDE EUROPEIA ANTI POBREZA MARCA PRESENÇA NO FUNCHAL

REDE EUROPEIA ANTI POBREZA MARCA PRESENÇA NO FUNCHAL


Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

“Estar presente no Funchal é mais um passo no trabalho desenvolvido ao longo destes 27 anos de existência, no sentido de promover sinergias locais para combater a pobreza e a exclusão social”, diz o presidente da EAPN Portugal/Rede Europeia Anti Pobreza, Pe. Jardim Moreira.
A Rede Europeia Anti Pobreza estará amanhã na apresentação desta organização não governamental para o desenvolvimento na cidade do Funchal. Segundo comunicado, neste momento será feita a apresentação formal a todas as instituições que trabalham na área da economia social.
A “EAPN Portugal sempre se destacou por realizar um trabalho que visa promover a coesão social ao nível nacional e europeu e, desta forma, contribuir eficazmente para a luta contra a pobreza e a exclusão social”, sublinha a entidade.
Acrescenta que o “aparecimento ao nível europeu de uma rede europeia de luta contra a pobreza vem responder à necessidade explícita de assumir a luta contra a pobreza como objetivo central das atuações da Comissão Europeia e de todos os Estados Membros sendo igualmente condição fundamental para alcançar um nível de coesão social satisfatório”.
“A pobreza e a exclusão social foram e continuam a ser um problema central, não só ao nível europeu como ao nível mundial. Por isso, é necessário o reconhecimento de que estamos perante um fenómeno complexo, multidimensional, que exige formas de intervenção estratégicas, que requer o envolvimento de várias áreas da sociedade e dos vários atores, entre os quais aqueles que vivem em situações mais vulneráveis. Estamos absolutamente empenhados em trabalhar para o Bem Comum, combatendo todas as formas de injustiça contra a pessoa humana e a sua casa comum, que é o nosso planeta”, explica o presidente.
Desta forma a EAPN Portugal informa que traz à Região Autónoma da Madeira, “que tem já a funcionar um Núcleo Regional, a sua experiência de trabalho com populações desfavorecidas, contribuindo para e disseminar uma cultura de trabalho em rede que se caracteriza por ações de sensibilização e mudança de mentalidades face a um problema que ainda se reveste de muitos estereótipos; pelo desenvolvimento de ações locais, mobilizando os vários atores em parceria, nomeadamente, os mais excluídos; pela definição e implementação de ações estratégicas e daí mais integradas e transversais e, ainda, pela aposta no conhecimento permanente dos fenómenos e pela transmissão desse conhecimento através da realização de formação para os atores que intervêm nesta realidade”.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

There are no comments yet.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Related Posts